Orelhas moucas??? Ou será uma otite?

Os nossos patudos podem ser vítimas de muitas condições médicas, mas na Petable desejamos que sejam saudáveis desde a ponta cauda até à ponta das orelhas! E com razão, pois os ouvidos dos nossos animais de estimação são muitas vezes alvo de doença.

O termo “otite” é utilizado para descrever uma inflamação ou infeção do ouvido, e consoante a sua localização no canal auditivo pode ser apelidada de otite externa (se for na porção exterior do canal auditivo), média (porção média do canal) ou interna (na porção interna do canal auditivo).

As otites podem ser provocadas por vários fatores, incluindo alergias, excesso de pêlo no canal auditivo e acumulação de cerúmen (secreção normal do canal auditivo), infecções bacterianas, infeções por fungos ou piolhos (mais comum nos gatos), presença de corpos estranhos (por exemplo, entrada de água nos ouvidos durante os banhos, praganas ou areia), doenças hormonais ou traumatismos.

Além destes fatores, a própria conformação da orelha dos nossos animais de estimação pode facilitar a ocorrência de otites – uma vez que este canal tem uma disposição vertical (como se fosse um poço), é comum originar-se um ambiente húmido e com acumulação de detritos no interior do canal. Por exemplo, cães de orelhas pendentes (caídas), podem ter maior risco de otites, uma vez que não têm um arejamento adequado do canal auditivo, facilitando assim a ocorrência de infecções.

Existem algumas raças de cães mais predispostas, como o Basset Hound, cães Terrier, Pastor Alemão ou Cocker Spaniel. Contudo estas otites podem ocorrer em cães e gatos de qualquer idade.

Os animais afetados podem apresentar vários sintomas, como:

  • presença de mau odor das orelhas
  • produção de secreção (geralmente de cor escura)
  • vermelhidão e crostas nas orelhas
  • comichão – que se pode manifestar por arranhar as orelhas com as patas ou esfregar as orelhas nas paredes e no chão)
  • abanar a cabeça ou andar de cabeça inclinada.
  • em casos mais graves, os animais poderão ter perdas de equilíbrio, andar em círculos, vómitos e ter movimentos oculares estranhos.

O diagnóstico de otite é alcançado através dos sinais clínicos, de um exame cuidadoso do canal auditivo e pela análise das secreções encontradas. As otites podem ser bastante incómodas e dolorosas para os nossos animais, que muitas vezes se tornam irritados ou agressivos. Nestas situações, é recomendada precaução aos donos e é comum tranquilizar o animal para ajudar a um melhor exame de diagnóstico.

Normalmente, as otites não são graves! Contudo, algumas podem ser prolongadas no tempo (crónicas) e geralmente com tendência para reaparecer (otites recorrentes), e por isso podem ser algo complicadas de resolver. Persistência é a chave para uma terapêutica bem sucedida!

Como em qualquer outra doença, o tratamento das otites deve ser sempre dirigido à origem do problema e exige uma boa cooperação e acompanhamento por parte dos donos. Por norma, o tratamento consiste numa limpeza correta do ouvido, e envolve a aplicação tópica (local) de um medicamento veterinário no canal auditivo dos nossos patudos que irá remover o excesso de cerúmen e controlar a inflamação ou infeção.

Deve-se ter uma atenção redobrada quando se lidam com otites crónicas ou recorrentes, pois muitas vezes podem ser responsáveis pelo estreitamento do canal auditivo, o que leva a uma dificuldade nas limpezas e o tratamento local.

Assim, recomenda-se aos donos uma limpeza regular do canal auditivo dos seus patudos com os produtos adequados! Não só como forma de tratamento, mas de prevenção!

O seu médico-veterinário poderá avaliar o risco ou o grau de otite do seu animal e recomendar-lhe os melhores conselhos de limpeza e tratamento. Caso suspeite que o seu patudo tem uma otite, não hesite em levá-lo ao médico-veterinário! Ele vai certamente agradecer a sua ação!

Ines-9

Inês Viegas, DVM

app_googleapp_ios

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s