Porque é que o meu cão come cocó?!?

A ingestão de fezes é uma queixa bastante frequente por parte dos donos de cães. Este comportamento de consumir a matéria fecal (também chamado de coprofagia) pode estar muitas vezes associado a situações de stress, ansiedade, brincadeira, e também como forma dos cães chamarem a atenção dos donos (por exemplo, com a chegada de novos cães a casa ou mudança de rotinas). No entanto, esta atitude também pode estar associada a situações de carências nutricionais, em consequência de uma alimentação inadequada ou insuficiente. É muito comum ver cães que convivem com gatos comerem as fezes dos gatos, uma vez que estas são muito mais ricas em proteína…

Se o seu cão apresentar este comportamento, procure aconselhar-se junto do seu médico veterinário habitual para que seja feito um exame físico completo e, eventualmente, exames fecais.

Durante a consulta deve fornecer o máximo de informação possível ao médico veterinário, nomeadamente sobre o tipo de alimentação que seu animal faz, a progressão e frequência com que ingere as fezes, se está presente quando o cão demonstra este comportamento, a fonte das fezes que ingere (isto é, se são as próprias fezes do cão ou de outros animais), o local que o cão habita (casa, rua ou quinta) e também sobre o histórico de saúde do animal.

Apesar de ser uma prática relativamente comum, geralmente as consequências médicas são mínimas (é preciso ter atenção ao motivo deste comportamento, e não às suas consequências, sendo que o risco maior será o de perpetuação do ciclo de vida de alguns parasitas)

No entanto, a coprofagia pode estar associada a outros problemas de saúde como pancreatites e problemas intestinais. Por esta razão, assim que der conta da ingestão de fezes por parte do seu animal não hesite em dirigir-se ao seu médico veterinário.

Para os donos, esta situação pode ser causa de transtorno e impaciência, comprometendo assim a ligação afectiva ao seu animal de companhia. Quando assistem a este comportamento a reacção imediata consiste em aproximarem-se do seu cão e ralhar para ele parar. Esta abordagem pode levar a que o cão tente comer rapidamente as fezes antes que o dono as tire do pé de si, neste cenário, qualquer forma de punição pode provocar confusão e/ou uma resposta com medo.

Como medidas de prevenção os donos devem:

– Dirigir a atenção do seu animal para brinquedos ou para recompensas (biscoitos) caso ele não ingira as fezes.

– Garantir que a alimentação é de boa qualidade e em dose suficiente

– Limpar diariamente a área onde o animal defeca, ou melhor ainda, apanhar as fezes de imediato, eliminando o estímulo

– Passear com trela/peitoral de modo a evitar e controlar o ato de ingerir as fezes

Ines-9

Inês Viegas, DVM

Faça download da Petable

app_iosapp_google

Anúncios

Um pensamento sobre “Porque é que o meu cão come cocó?!?

  1. Pingback: Sugestões para famílias Petable | Petable

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s